Hudson Henrique.
Tentando ser tudo no meio do nada. Sendo um nada no meio de tudo, entre todas as outras casas.
Capa Textos Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links

 
Textos
Matina.
Curitiba braveja tua beleza.
Tocam hinos em seu nome.
Bebam cerveja em teu sobrenome.

Curitiba ama seus traços.
Cada cor rosa da bochecha ao acordar.

Cidade florida de jacarandás.
Cidade pau Brasil, violoncelos tocam algo.

Os pinheiros choram ao estalar no chão suas pinhas.

E eu choro ao lembrar das saudades em cada canto da matina.

@hudsonhenriquer
hudsonoficial.com
Hudson Henrique
Enviado por Hudson Henrique em 22/12/2020
Comentários
Somos todos Anjos bêbados demais pra voltar p... R$16,90 Madrugada adentro como essas, costumam me pux... R$14,99 Todas as músicas que nunca cantei. R$14,99
Capa Textos Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links